Plantar árvores.. é fazer amigos! (EB1 de Lardosa)

Recordando a canção Uma árvore um amigo, Joel Branco dizia…

“Uma árvore, um amigo
Uma árvore, um amigo
Que devemos bem tratar.
Um amigo de verdade,
Tão fiel como a amizade
Que podemos cultivar!
Que podemos cultivar!
Sabes que uma árvore
É um pouco de beleza,
Que protege a natureza
E purifica o nosso ar…
(…)”

Com este intuito, os alunos da EB1 de Lardosa, no dia 28 de fevereiro, deslocaram-se com as professoras, à barragem de Santa Águeda, para a plantação de árvores, numa iniciativa da EPAL Grupo de Águas de Portugal e a ETAR, em parceria com a Quercus. Estiveram também presentes o Comandante Distrital de Castelo Branco da Polícia de Segurança Pública, Superintendente José Pires Leonardo e dois jornalistas do jornal da nossa região “Reconquista”, que chegaram a entrevistar alguns alunos.
O plantio de árvores é uma das alternativas mais simples e benéficas para reverter os impactos ambientais já causados pelo homem na natureza. O retorno desta atividade é sentido rapidamente e o investimento é muito pequeno, comparado às inovações tecnológicas que prometem o mesmo efeito.
Uma árvore pode durar aproximadamente 4800 anos e em apenas um ano, inala em média 12 kg de CO2 (dióxido de carbono) e exala oxigénio suficiente para uma família de quatro pessoas, durante doze meses. A plantação de árvores é uma das principais recomendações de especialistas para combater o aquecimento global, pois elas “sequestram” o CO2 e refrescam a atmosfera.
Regiões desmatadas não conseguem absorver nem 10% da água da chuva, enquanto uma árvore adulta pode absorver até 250 litros de água, evitando que enchentes ocorram. Além disso, as raízes reforçam os solos e as folhas dispersam o fluxo da água. Um ambiente florestado faz com que a chuva não caia torrencialmente, assim a água penetra no solo e abastece rios.
As árvores estabilizam o solo nas zonas áridas e podem evitar que o vento leve a camada superior com nutrientes, prevenindo a desertificação. Também garantem a descontaminação da atmosfera, nutrição para plantações e oferecem sombra.
Assim, na manhã de quinta-feira, aconteceu um plantio de Azinheiras, Lódãos, Medronheiros e Freixos com a participação de 19 alunos da EB1 de Lardosa.
Numa grande aula sobre sustentabilidade, as crianças mantiveram-se muito entusiasmadas e quiseram participar em todo o processo do plantio. Aprenderam como devem plantar uma árvore, tratar o solo, regar as mudas, além de conhecerem quais são os nutrientes necessários para o desenvolvimento das plantas e de forma divertida aprenderam a diferenciar as espécies. No término deste evento, a organização ofereceu um lanche às crianças.
A comunidade escolar agradece o convite e a oportunidade de podermos contribuir para a melhoria da qualidade do nosso ambiente.

As professoras
Dulce Luís e Matilde Martins